Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco | CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

ANTONIO PAIVA RODRIGUES
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Jornalismo
 
POLÍTICA INSENSÍVEL E VAMPIRIZADORA
Por: ANTONIO PAIVA RODRIGUES

POLÍTICA INSENSÍVEL E VAMPIRIZADORA

“Como temos cuidado dos nossos presentes? Este é um convite à reflexão, para que possamos observar as pessoas que nos cercam; para analisar se estamos tentando entende-las no seu modo de ser, sem querer modifica-las, para melhor nos agradar. É certo que encontraremos pessoas fechadas ao amor, outras difíceis de conviver, porém não devemos desanimar”. (Elisângela Barbosa da Silva).

Hoje, nós, estamos em evolução, e percebemos isso, viveremos melhor se a situação política e econômica melhorar. Hoje, estamos com os olhos fechados pelo véu do orgulho e do egoísmo e, com certeza, vencer não será tarefa fácil. Já é tempo de despertarmos e compreendermos que o mundo precisa dos corações unidos, num só objetivo, para alcançarmos a felicidade e a paz. A vida sem esperanças é como se estivéssemos nas sombras. Todos nós almejamos a liberdade, pois ela é uma conquista ditosa, glamorosa e bela, resplandecente de luz, mas é preciso saber o que fazer para nos seduzir e conquistar. Sedução não, vitória sim, vemos os nossos amigos sofridos, pois o amor vê luzes na treva, mas não dá trela.

No amor mais alto e mais lindo vamos sorrindo ligando a força do bem, quanto maior a renúncia, maior o grassar. O amor e a paz são essenciais para a nação sair da maior crise política da historia, no entanto, precisamos de uma grande limpeza no meio político, visto que, a maioria é corrupta e vampirizadora. Precisamos de políticos comprometidos com a nação e com o povo brasileiro. Uma faxina geral se faz necessária, pois estão jogando o lixo para debaixo do tapete. A desobediência civil tida como ameaça à paz social, debater a ideia passou a ser de interesse da máquina do estado e dos cidadãos.

Políticos na realidade estão transformando a política em politicagem, visto que na realidade não assumem compromissos com a sociedade que os elegeu. Saneamento básico essencial para manter a saúde do povo é executado a passos de tartaruga, e em consequência as doenças se multiplicam, pois um veneno mortal, o lixo vem se transformando em rampas no meio das ruas e avenidas das capitais. E os prefeitos o que fazem? Nada. Só almejam o poder e quando o inverno se aproxima é um Deus nos acuda, pois a limpeza de galerias não é feita com antecedência. A queda de árvores é constante, pois a maioria está corroída por cupins. O Meio Ambiente é esquecido, apesar de existirem secretários e ministro para tal mister.

Se a Constituição Federativa Brasileira fosse cumprida a risco nós viveríamos num mar de rosas, no entanto ela é rasgada e jogada ao lixo todos os dias. O Brasil pegou o vírus da corrupção e não quer mais largar e não procurar se curar. As notícias escandalosas estão na mídia todos os dias. “A implosão de Brasília e de um modelo de política”. O fim de Lula. Será? Aquele que se dizia a alma mais honesta foi beneficiado com R$ b40 milhões em propina. Colocou a família no esquema e atuou como chefe de quadrilha no favorecimento a empreiteiras nos governos do PT. A condenação do petista é uma questão de tempo. Dilma sabia. Marcelo Odebrecht afirma que a ex-presidente tinha conhecimento de tudo no Petrolão. Em depoimento a Sérgio Moro, Léo Pinheiro, da OAS, confirma que o tríplex foi um presente a Lula.

Renato Duque diz que Lula o orientou a fechar conta na Suíça. A libertação de José Dirceu só fortalece a Lava Jato. Ajustes de contas. Dois pesos pesados, dois grandes projetos no ringue. O destino da Lava jato e a candidatura ao Planalto. Quem vai a nocaute? Zelador: “Vi dona Marisa pedindo um elevador à OAS”. Diante dessas escabrosas notícias Lula e o seu bando negam tudo e se dizem inocentes. Tais aberrações só acontecem aqui, pois a justiça parece ter feito um pacto de leniência com os corruptos. Ex-zelador do tríplex no Guarujá garante, em entrevista, que em 2014 ouviu a esposa do ex-presidente Lula, falecida em fevereiro, solicitar a funcionários da empreiteira que instalassem o elevador privativo no apartamento.

A casa caiu. “Ex-zelador do tríplex, João Afonso Pinheiro:” ninguém pede para instalar elevador num apartamento que não lhe pertence. O dia D. dona Marisa pediu a funcionários da empreiteira que instalassem um elevador no apartamento no dia em que Lula visitou o tríplex com Léo Pinheiro, dono da OAS. Como é notório, o elevador particular foi de fato construído em 2014 e fez parte das benfeitorias tocadas pela OAS no tríplex. Além de instalar o elevador no tríplex, a OAS fez reformas que incluíram uma piscina com deck. Vocês sabem o que Lula terá que responder ao Juiz Sérgio Moro? Não. Para os procuradores, a reserva e a reforma do apartamento no Guarujá fazem parte da propina de R$ 3,7 milhões paga a Lula relativa a três contratos da OAS com a Petrobras.

Em setembro, Moro aceitou denúncia contra Lula por lavagem de dinheiro e corrupção passiva. No dia dez de maio, Lula terá de esclarecer as seguintes questões: O Instituto Lula, afirmou que a mulher do presidente, Marisa Letícia, havia comprado apenas uma cota da Cooperativa Bancoop para adquirir um apartamento. Depois informou se tratar de unidade 141, de 86 metros quadrados. Há evidências de que se tratava do tríplex 164 A. Qual era o apartamento? A empreiteira OAS declarou que o imóvel recebeu “obras de decoração” em razão de “uma opção comercial para venda”. Por que a OAS mobiliou todo o apartamento e instalou um elevador interno se ainda não havia comprador? Para o engenheiro da OAS Igor Pontes, que acompanhou a reforma, a obra foi feita conforme o gosto de Lula. Quem contratou a reforma?

O imóvel seria um presente da OAS, a Lula? Por que o presidente ganharia esse presente? Qual a relação de Lula com Léo Pinheiro, então presidente da OAS, que está preso em Curitiba? Por que Léo Pinheiro acompanhou Lula durante as reformas do tríplex? Quantas vezes Lula e Marisa visitaram o apartamento? Por que ocorreram as visitas, se a ideia, de acordo com o petista, era abrir mão do apartamento? Por que a família de Lula só desistiu do negócio em 2015, enquanto os demais clientes da Bancoop tiveram que decidir isso em 2009? As reformas, segundo o ex-zelador José Afonso, foram supervisionadas por Fábio Luiz “o Lulinha”, filho de Lula. O que explicaria isso? Por que Dona Marisa iria solicitar a instalação de um elevador privativo se não iria ficar com o imóvel, como alega a defesa de Lula?

A revelação do ex-zelador é classificada por procuradores como decisiva para a conclusão do processo contra Lula. Outro assunto que mereceu destaque na mídia foi à inquirição do João Santana sobre sua conta-laranja. (Fonte: Revista “Isto É”). “Patinhas abre o jogo”. Em delação, João Santana falou das operações ilícitas das campanhas petistas. Marqueteiro de Dilma e Lula diz aos procuradores que disponibilizou uma conta pessoal na Suíça para integrantes da cúpula do PT receberem dinheiro não declarado desviado da Petrobras. O ex-ministro Guido Mantega atuou como intermediário, BC e PF investigam. Conta aberta no banco suíço Heritage conhecida como Shellill movimentou US$ 7,5 milhões. Dilma sabia. João Santana repetiu o que Marcelo Odebrecht disse a Lava Jato: a ex-presidente sabia de tudo.

Ministério Público Federal (MPF) queria que Santana devolvesse os US$ 7,5 milhões depositados na Suíça. O publicitário reclamou: petistas também usaram a conta. Duda Mendonça conta tudo. “Além de o marqueteiro João Santana eleger Luis Inácio Lula da Silva, o publicitário Duda Mendonça que conseguiu presidente do Brasil em 2002”, também assinou um acordo de delação premiada com a Polícia Federal. Os depoimentos do inventor do - “Lulinha paz e amor” estavam na justiça do Distrito Federal, mas como ele narrou os ilícitos envolvendo pessoas com foro privilegiado, o processo foi enviado ao Supremo Tribunal Federal. A delação foi motivada pela investigação da Polícia Federal sobre (as gráficas fantasmas) da campanha de Dilma Rousseff.

O conteúdo está sob sigilo, mas a colaboração será anexada à investigação que corre no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para ajudar nas apurações de possível abuso de poder econômico na campanha que elegeu a presidente Dilma e seu então vice-presidente Michel Temer na disputa de 2014. O ministro do STF Edson Fachin ainda decidirá se homologa ou não a delação de Duda Mendonça. Em 2005, Mendonça confessou à CPI dos Correios ter recebido R$ 10, 5 milhões pela campanha à eleição de Lula via caixa 2. Contaminadas. As campanhas de Nicolau Maduro e Hugo Chaves e Maurício Funes, Danilo Medina e José Eduardo dos Santos (presidentes da Venezuela, El Salvador, República Dominicana, Angola respectivamente) foram abastecidas com recursos ilegais, segundo delação do marqueteiro João Santana.

Convulsão petista. Atônito e com a Lava Jato em seu encalço, O Partido dos Trabalhadores (PT) não consegue medir mais nem suas decisões políticas internas. A última sandice, com as bênçãos de Lula, foi fechar em torno do nome de Gleisi Hoffmamm, acusada de corrupção, para presidir a legenda. Mas nem isso é consenso. Abraço de afogados. Lula quer que Gleisi, investigada na Lava Jato, seja a nova presidente do PT, Lindberg resiste. Se escolher como presidente uma parlamentar implicada na Lava Jato, o PT perde a oportunidade de promover uma renovação para tentar salvar a legenda. O Partido dos Trabalhadores (PT) no cadafalso. O partido está num beco sem saída. Entenda as circunstâncias políticas que envolvem a sucessão ao comando da sigla, hoje nas mãos do presidente Rui Falcão.

O conflito. Dois senadores investigados na Lava Jato disputam a Presidência Nacional do PT, que elegerá o sucessor de Rui Falcão em junho. Gleisi Hoffmamm (PR) e Lindberg Farias (RJ). Gleisi Hoffmamm. O ex-presidente Lula já decidiu que a nova presidente será Gleisi. Ela poderá afundar de vez o partido. Responde a ação penal no STF por recebimento de doação ilegal de R$ 1 milhão para a campanha dela ao senado em 2010. Lindberg Farias. A opção por Gleisi promete azedar de vez a disputa pelo poder dentro do partido. O senador Lindberg que também é investigado, não aceita a decisão de Lula. Ameaça não retirar sua candidatura e criar uma cisão. Corrupção.

As últimas denúncias de corrupção varreram os principais quadros do partido, como José Genoíno, Delúbio Soares, João Paulo Cunha, implicados no Mensalão e José Dirceu, Antonio Palocci, João Vaccari e André Vargas, no Petrolão. Renan rei do oportunismo. O ex-presidente do senado Federal troca de posição ao sabor de suas conveniências políticas. Por trás dos ataques ensandecidos ao governo, reside a estratégia de se reeleger senador em 2018 e escapar da Lava Jato. Diante da postura oposicionista de Renan, Temer mandou emissários para tentar entender o que ele deseja, mas o senador não abre o jogo. Mudança repentina de Renan Calheiros foi motivada por pesquisas de opinião feitas em seu estado que reprova a gestão Temer. Ministério Público Federal (MPF) investiga regalias. Procuradores querem saber se o ex-governador, Sérgio Cabral, dormia na biblioteca com ar condicionado e se sua mulher Adriana Ancelmo recebeu cesta de Natal quando esteve na cadeia, conforme informou a mídia.

O Congresso resiste à reforma da Previdência por uma razão óbvia: ao contrário de Temer, os parlamentares precisarão de votos em 2018. Com tantas confusões políticas e muitos interesses em jogo será que o Brasil sairá dessa situação política caótica? O ministro Gilmar Mendes manda soltar o empresário Eike Batista e cria um clima de tensão no STF, pois o procurador Janot afirma que a sua mulher é sócia num escritório de advocacia que trabalha para a construtora envolvida no esquema de corrupção. Um país onde nem o Supremo Tribunal Federal não se entende o que podemos esperar? Nuvens negras cobrem os céus brasileiros e um lamaçal político domina o Congresso Nacional, entendemos que enquanto essa corja de políticos não forem punidos e expulsos da política brasileira o País está entregue aos urubus e a carnificina, pois a corrupção tem aumentado à violência e o crime organizado parece dominar o País. Pense nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-JORNALISTA-MEMBRO DA ACI- DA ACE- DO SINDIJOR- DA ALOMERCE- DO PORTAL CEN (LUSO-BRASILEIRO)- DA UBT E DO RECANTO DAS LETRAS.

Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: PDBe (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.