Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

ANTONIO CARNIATO FILHO
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poesia
 
MINHAS HORAS
Por: ANTONIO CARNIATO FILHO



Minhas horas -- minhas carências,
Meus pensamentos, minhas esperanças.
Sonhos, ilusões e sentimentos do coração e da alma,
Tempos obscuros e noites escuras e mal dormidas,
Nas minhas horas, canta o céu, Hosana nas alturas
E no meu quintal, o cantar mágico de Bem-te-vis,
Minhas horas são tomadas de versos líricos,
Que falam da natureza, do encanto e do amor.
Escutam ecos de horas passadas e sombrias,
No crepúsculo com nuvens coloridas e atraentes,
Minhas horas resumem-se em poesias,
A contemplar o amor com a polidez do raio de sol,
Busca a sombra amiga como uma gota passageira.
Minhas horas e minha memoria são irmãs gêmeas,
Vibram de terno encantamento,
De momentos felizes e melodias inesquecíveis,
Doces, como o mel ao murmúrio de um passado
De vagas estrelas iluminando as horas, recordando-me
E seduzindo-me a viver o resto de horas que restam.

Antonio Carniato Filho 11]04]2018

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: OILF (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.