Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

SÉRGIO DA SILVA TEIXEIRA
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poesia
 
O JULGAMENTO
Por: SÉRGIO DA SILVA TEIXEIRA

No silêncio o verso me corteja
Busco a poesia no mesmo ambiente
Na busca de um tema diferente
Sem arrogância e tampouco sobeja
Até o meu fim assim quero que seja
Eu ser fiel à minha consciência
Ter sempre tolerância e paciência
E um pensamento que ninguém maneja

Com minha liberdade aqui presente
Procuro ao menos ser equilibrado
Quando vejo inocentar culpado
E condenar alguém que é inocente
Eu reconheço que já fui contente
Ao ver o pobre ser reconhecido
Porém quem erra deve ser punido
Mas vejo “igual” tratado diferente

Lamento ver meu país dividido
Por dois lados que com unhas e dentes
Ao mesmo tempo iguais e diferentes
Defendendo político bandido
Quando às vezes eu me sinto perdido
Para o ponto de partida regresso
Pergunto pela “ORDEM E PROGRESSO”
Escrito na bandeira sem partido

Sérgio da Silva Teixeira
Bagé/RS.

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: VZZR (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.