Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Odion de Oliveira Monte
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poesia
 
O PÃO NOSSO DE CADA DIA
Por: Odion de Oliveira Monte

Sou do chão, só digo sim, nunca não!
Sou da trama, sou da briga e da lama!
Sou da lida, sou da intriga e da vida!
Sou da da fome, só busco o pão...

Quero paz, após a morte o perdão!
Quero Crescer, nascer e procriar!
Quero amor, não a dor, sou chorão!
Quero barriga cheia, eu quero pão...

Falo muito, ouço muito pouco!
Falo errado, sou muito louco!
Falo sem graça, estou na praça!
Falo! Falo! Falo! Eu quero pão...

Paí de mim, de ti, paí do joão!
Pai padrasto, tua benção acalenta!
Paí de todos, a tua ordem é bordão!
Pai, papai, me diga sim, eu quero pão...

Eu to descalço, bolhas nos pés!
Eu to um farrapo, só tenho trapo!
Eu tenho o prato, mas não o pirão!
Eu quero comer, beber, dia a dia me der pão...






 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: NJFT (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.