Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

NÉLIO CARDOSO DE MEDEIROS
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Humor
 
MAIS UMA SÍNDROME DO 666
Por: NÉLIO CARDOSO DE MEDEIROS

MAIS UMA SÍNDROME DO 666

Xenofânes brincava com o computador quando recebeu aviso por “um e meio, três inteiros e sete décimos”: - Sabes, ó azêmola que o município onde resides tem atualmente 666.666 habitantes? E 666 é o número da besta apocalíptica? O mancebo ficou assustado, pediu um tempo e foi folhear os alfarrábios do seu penta-avô. Encontrou o Livro dos Mortos, o Zend-Avesta, o Evangelho de Buda, Memórias de um Mestre de Banda Civil Amadora, uma edição da Bíblia datada de 1585 escrita em grego. Encontrou no Apocalipse referência à besta, citando o perigosíssimo número 666 onde pássaros de fogo desovariam ovos incandescentes, talvez por um DC-10 ou um 15-Bis. Desconfiou que www pudesse ser 666. Pesquisou um pouco mais e descobriu que a citação em grego poderia ter origem em aramaico, língua ágrafa. A conexão ou semelhança com www foi descartada porque no idioma grego não existe a letra “w” Pensou que vírus encontrados em computadores sejam originados pelo número 666. Ou 666.666 e ainda 666.666.666 e assim por diante. Rezou ajoelhado por mais de dois dias para que o Congresso Nacional jamais aumentasse seus notáveis representantes para 666. Quem sabe os dirigentes do FMI apreciassem tal medida? FMI significa Forças Maquiavélicas Infernais e é comandado por Satã, o senhor das trevas. Xenofânes voltou ao computador e uma assustadíssima ninfeta perguntou: - 666 é número par ou ímpar? Xenofânes retrucou: - Consultarei professores de Matemática na Faculdade Informatizada. Talvez 666 seja numeral de um número neutro.Vamos excluí-los de todas as páginas, das contas bancárias, do jogo de bicho. Será erradicado. Tudo que conter tal número será destruído ou queimado em praça pública. – A inquisição retornará? Queimarão também “ A azêmola do apocalipse? Tem 666 páginas. - Jamais queimarão os livros escritos pelo Maestro Tocomóvisqui. Ele escreveu essa obra-sobrinha no Clúbi da Donzelas. - Não o atrapalharam? -Inspiraram-no! Enquanto nadavam peladinhas na piscina olímpica, ele escrevia um capítulo de quinze em quinze minutos e depois mergulhava com elas. - Eram muitas? -666! - Como pode saber? - Consta no livro. - Por favor, diga-me qual é o seu nome. - Eléia. - Da escola eleática? - Do Colégio estadual-municipal-particular Zabelê Tucurubi, o gênio da eletrônica e da informática. - Ele descobriu que todos os computadores trazem em microchípis, saibórguis e nas memórias rã e sapo o nº 666. - Satânico, demoníaco, trevoso, infernal, amigo Xenofânes. - Para mim é celestial, angelical, supimpa! Mutatis mutandi: - Você é adepta do Cardosismo? Conhece seus dogmas? - Cardosismo! A suprema religião! Pagando as mensalidades em dia, todos os simpatizantes e membros serão salvos e receberão bênçãos celestiais, casas e apartamentos no belíssimo planeta Netuno. Também sou associada. – Eléia, o Cardosismo não aceita a crença em inferno, diabo e números fatais. É uma religião progressista, e seus adeptos são assistidos gratuitamente pelos chefes impolutos ou astros-guias espirituais. Você recebeu um documento do C.I. (Chefe Impoluto) para comprar bilhetes da Loteria Animal? - Comprei um. - Foi sorteada? - Xenofânes, o C.I. não erra. Ganhei 666.666 sestércios. - E o que foi fez com essa imensa quantia? Comprou cento e oitenta apartamentos, mandou construir um edifício com quarenta e cinco andares? - Depositei noventa por cento do montante na conta do C.I. nosso guia religioso, com o restante comprei todos os exemplares do livro “A azêmola do apocalipse” e os revendi pelo triplo do valor. – Ganhou muito? - Também 666.666 sestércios. - Adorabilíssima Eléia, o Maestro Tocomóvisqui comentou sobre esse seu lucro absurdo? - Considerou-se a si mesmo sendo a própria besta e publicou em centenas de jornais e também na internéti que jamais ganhou tanto dinheiro com suas óperas. Está escrevendo outro livro. – Mais um? Ele já publicou mais de setecentos e vinte! Qual será o título? - “Você pode acertar na mega-sena, na giga-sena, na tera-sena entrando em cena”. Ele me presenteou com os direitos autorais de todos os seus livros. - Foi difícil você conseguir essa impressionante proeza? - Era eu a donzela que mergulhava peladinha com ele até o fundo da piscina.

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: OAWf (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.