Paralerepensar - Texto

Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 

E-mail:
Senha
       
        Cadastre-se
Esqueci minha senha
Homepage
Pensadores
Lazer e informação
Citações
Textos Fantásticos
Poemando
Provérbios
Estatuto do poeta
Peão diz cada uma!
Bíblicos
Contos e poemas de Natal
Básico de violão
Livrarias
Informática
Artes
Jornais
Revistas
Música
Televisão
Infantil

MUSIPOEMA

MUSIPOEMA
A HISTÓRIA DO ROCK IN ROLL
SER MÃE
AMIGO É...
AMAR É...
 

 

Busca

 
 
 

 

ANTONIO PAIVA RODRIGUES
Publicações
Perfil
Comente este texto

 
Prosa
 
SINTONIA E ASSIMILAÇÃO
Por: ANTONIO PAIVA RODRIGUES

SINTONIA E ASSIMILAÇÃO

Quando a nuvem passa e o sol clareia, as minhas ideias se renovam nas páginas coloridas coloco os meus versos e as minhas rimas. Não é sina e sim sabedoria, pois para se confeccionar belas poesias é preciso muita maestria.
Quando o raio clareia os céus em noite de muita chuva, é sinal que vem barulho estonteante de um grande trovão que assusta muita gente. De repente quem está ao relento procura abrigo, visto que ficar molhado não faz sentido.

O vírus maldoso pode vir com toda força e nos debilitar e sem cantar e poetar eu não quero ficar. A minha alegria está nas rimas, nas fantasias, nas interpretações, nas introspecções que guardo no meu coração e para apor ao papel necessito de calma, só assim minhas ideias entram em sintonia. De coração forte e fronte erguida, sigo o destino traçado para mim, no entanto, não me canso, pois o cansaço faz minha alma sofrer, com isso, seremos seres gementes, decadentes e com as forças consumidas. Não posso fugir a responsabilidade, pois já tenho idade e sei que a vontade de crescer é grande e o belo destino não pode ficar retido.

Não devo ter o dever negado, isso é dívida crescente, o desertor padece amargamente e, almejo ir mais longe, alcançar os píncaros da glória, para que eu consiga vencer tenho que suplantar todos os obstáculos e alcançar um futuro repleto de alegria. Devo esquecer de imediato o lodo, a lama, o espinho, a ofensa e outras coisas mais, seja agora ou depois a voz serena e generosa de Deus me acalentará e com paz, tolerância e sem cólera vencerei a escuridão da incerteza que tenho obtido.

Não quero que a bela esperança se consuma pelo veneno do mundo, seja agora ou depois com insistência, as bonanças redentoras surgirão e as trevas serão destruídas pela luz forte da bondade, visto que nunca usei a maldade para prejudicar e sim para alimentar a esperança de quem batalha como eu, através do esforço do dia a dia. De horizonte a horizonte, quanto for necessário vem o destaque na beleza do nascer de uma linda rosa que surge a nossa frente. De perfume radiante e flutuante que toma todos os espaços e nada fica opaco, pois a natureza reflete a beleza da vida dos poetas, escritores e doutores das letras, em forma de retretas, ao som de badalos com som convertido.

Para que possamos alçar voos mais altos é preciso conhecimento, talento, precisamos provar que tudo assimilado é verdade para que não sejamos desmentidos. Agora mais rigoroso, venci o desafio e a confiança, jamais será vingança nunca vi tanta bravura numa só pessoa com muita tenacidade, visto que a vontade de vencer foi alcançada e comemorada com muita alegria.

ANTONIO PAIVA RODRIGUES- FORTALEZA-CEARÁ

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: gGPd (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.