Agonia

     
A casa dos grandes pensadores
 

ALBERTINO FERNANDES NETO

 

 

 

 

Como em sonho

Tocar tua pele,
É lembrar toda rosa
Segurar tuas mãos,
É ter a criança em prosa.

Abraçar teu corpo,
É estremecer com candura
Beijar teus lábios,
É aguar com doçura.

Desnudar teus seios,
É desmaiar só em ver
Caminhar tuas curvas,
É morrer em prazer.

Assim...
Tua pele é flor,
Tuas mãos, meiguice,
Tua boca é mel,
Teus seios, a vida
E teu corpo, o céu.


Albertino Fernandes (Pensa-me)

 www.paralerepensar.com.br